‘Passing Out Pieces’, Mac DeMarco

Postado em Atualizado em

***

Watching my life, passing right in front of my eyes
Hell of a story, oh is it boring?
Can’t claim to care, never been reluctant to share
Passing out pieces of me, don’t you know nothing comes free?

***

Sobre Salad Days:

Depois de lançar um disco pequenino e muito elogiado, talvez Mac DeMarco tenha pensado em retornar com um álbum muito maior. Se essa ideia passou pela cabeça dele, felizmente o sujeito a abandonou. Este compositor se torna forte e particular quando lida com melodias por vezes minúsculas, acordes dedilhados de guitarra e versinhos bem arejados. Daí que o disco, mesmo mantendo o molde do anterior, traz novidades sutis que provocam tremendo impacto – pense em duas ou três pedras atiradas num lago supersereno. Os lances psicodélicos em Passing Out Pieces, no fim de Brother e em Chamber of Reflection (uma homenagem explícita e até surpreendente a Alone Again Or, do Love)  perturbam o álbum de tal forma que o conjunto, ainda que muito familiar, passa a parecer único. Apesar de que, em quase todas as músicas, DeMarco segue deixando a impressão de que vai danar-se a embalar uma versão indie de Alagados, do Paralamas do Sucesso, a qualquer momento.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s