Jay Reatard, 1980-2010

Postado em

Não é minha intenção transformar este blog num Campo da Esperança, mas não posso deixar de lamentar a morte de Jay Reatard, aos 29 anos. Morreu dormindo, poucos meses depois de ter lançado o ótimo Watch me fall. Ironicamente, o disco surpreendia por mostrar a possibilidade de um futuro não menos que brilhante, e inesperadamente pop, para uma figura que cresceu em meio aos punks.

Taí: o álbum virou testamento (e, ouvindo agora, até que soa como um testamento muito digno). Nem que por curiosidade mórbida, sugiro que vocês dêem uma chance a Watch me fall e descubram o que perderam.

6 comentários em “Jay Reatard, 1980-2010

    Felipe Queiroz disse:
    janeiro 13, 2010 às 11:30 pm

    Triste!

    Jay Reatard ficou 10 anos na labuta para conseguir reconhecimento. E quando consegue um contrato com a Matador, o cara morre.

    O rapaz ainda tinha futuro.

    brunoamato disse:
    janeiro 13, 2010 às 11:32 pm

    2010 tá cada vez mais promissor…

    Tiago Superoito respondido:
    janeiro 13, 2010 às 11:50 pm

    2010 tá uma tragédia.

    Pois é, Felipe, justo quando ele conseguiu entrar na Matador.

    Alê Marucci disse:
    janeiro 14, 2010 às 12:27 am

    Conheci Jay Reatard ano passado justamente por causa do “Watch Me Fall”, que é lindo, lindo.
    Uma pena!

    Diego disse:
    janeiro 14, 2010 às 1:26 am

    “All is lost, there’s is no hope for me”

    :(

    RIP

    Diego disse:
    janeiro 14, 2010 às 1:27 am

    “There’s”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s