O dia em que eu não fui embora

Postado em Atualizado em

Minha vida está assim: todo mundo indo embora. Os que ainda não foram estão loucos pra ir. Os que já foram nem mandam notícias. Os que foram e voltaram já querem ir novamente. E eu, que não sei o que quero e nunca vou saber, pelo menos descobri que, por aqui, não deve ser bom ficar.

Anúncios

9 comentários em “O dia em que eu não fui embora

    SEMIONATOW disse:
    agosto 12, 2008 às 2:22 am

    opa, good writing.

    te incomoda ler algo como “good writing”? parece queu to menosprezando sentimentos reais, ou no seu caso talvez a falta deles, aquele torpor obnubilado de zach braff?

    voce é zach braff, cristo. eu sou larry david. levei a melhor.

    deus, eu odeio zach braff. lembra daquele plano infame de garden state em que ele tem uma camisa cuja estampa matches com o papel parede, e ele fica la, olhando esqualidamente pra camera? o que foi aquilo, diz ae.

    Diego disse:
    agosto 12, 2008 às 3:51 am

    Se não me engano, o Tiago gosta da cena em que as criancinhas atravessam a rua de mãos dadas.

    Tiago, e o filme do Mojica?

    Tiago respondido:
    agosto 12, 2008 às 10:19 am

    Não sou dos maiores fãs de Garden state. Mas gosto de Scrubs, vale?

    Aliás, dia desses, zapeando a TV por assinatura, parei numa cena do Garden State. Exatamente a cena em que a Natalie Portman apresenta The Shins ao Zach Braff. No dia seguinte comprei finalmente o “Oh, inverted world”, que eu só tinha em MP3. Mas aí percebi que… não sou dos maiores fãs de Garden state.

    Pois é, Diego, o Mojica não chegou por aqui. Adiaram a estréia. Talvez chegue sexta, mas isso ainda não está certo. Claro que estou roendo até o dedão do pé de tanta ansiedade.

    Érico disse:
    agosto 12, 2008 às 4:49 pm

    Eu tava aí em Brasília mas também já fui embora.

    Michel Simões disse:
    agosto 12, 2008 às 4:50 pm

    Vira e mexe e a dúvida do ir ou não, está rondando a cabeça.

    Tiago Superoito respondido:
    agosto 12, 2008 às 5:51 pm

    Pois é, Érico, você pegou o espírito da cidade! haha

    Érico disse:
    agosto 12, 2008 às 8:43 pm

    Na verdade eu só fiz uma conexão no aeroporto, heuehueheuheue.

    Tiago Superoito respondido:
    agosto 12, 2008 às 8:54 pm

    É o que mais fazem por aqui.

    SEMIONATOW disse:
    agosto 13, 2008 às 2:27 am

    cara, serio, brasilia é uma cidade dificil. as pessoas sao dificeis. esses comercios de quadra me enlouqueciam.

    meus anos de sigma foram bem semelhantes aos anos de high school de um freaks and geeks da vida. e olha queu tava na 7/8a series (bem mais, curiosamente, que meus anos high school de fato.)

    nao sei o que dizer, nao tenho muita saudade, nem da tranquilidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s