CSS na Pitchfork

Postado em

Most of CSS nuance, sense of irony, and genre schizophrenia have been excised in favor of, well, the exact sort of bland dance-punk they so skillfully avoided on their first album.

Acabou o mistério. A Pitchfork viu em Donkey um disquinho bem meia-boca. O engraçado é que, para detonar o pobre coitado, eles tratam a estréia da banda como uma espécie de obra-prima, um marco indiscutível. Mais cômico ainda é quando lembramos que o site foi um dos que pegaram no pé do álbum anterior deles. Eu não entendo. Mas, de qualquer forma, é um texto desiludido e, por isso, bom de ser lido.

5 comentários em “CSS na Pitchfork

    Filipe disse:
    julho 26, 2008 às 12:48 am

    A primeira coisa que eu pensei quando li o texto foi isso.

    Tiago respondido:
    julho 27, 2008 às 10:42 pm

    Pois é.

    Diego disse:
    julho 28, 2008 às 1:48 am

    Palpite: como você tá nessa onda “Hancock três estrelas”, aposto que você vai defender “Arquivo X: Eu Quero Acreditar”.

    Tiago respondido:
    julho 28, 2008 às 2:06 am

    Hmm. Acho que vc errou o palpite, Diegão.

    Erico disse:
    julho 28, 2008 às 9:59 pm

    Os textos sao de autores diferentes… mas nao deixou de ser engracado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s