Dia: fevereiro 25, 2008

Oscar II

Postado em Atualizado em

oscar.jpg 

Somos só eu e o Jon Stewart ou vocês também passam essa cerimônia inteira com aquela cara de quem poderia estar fazendo algo mais produtivo da vida? Dormindo, para ficarmos num exemplo.

Foi um Oscar previsível. Felizmente. O que vocês queriam? Juno melhor filme? Não, né.

Tudo muito correto, aliás. Até a premiação pra direção de arte de Sweeney Todd, justa. Tilda Swinton não tem muito a ver, mas não posso reclamar. Marion Cotillard é mesmo a melhor atriz, e até quem odeia ler legendas sabia disso. O discurso do Javier Bardem foi ótimo, e eu tinha completa certeza de que ele acabaria surtando em espanhol.

As canções, todas tenebrosas. Como de costume. Não me convenci da beleza da musiquinha vencedora, mas ainda tenho que ver o filme. E Rubens Ewald Filho, estranhamente controlado. “O tempo simplifica os homens”, já diziam os Coen.

No mais, até os irmãos pareciam um pouco entediados. E o Ethan realmente é o mais caladão, se é que alguém precisava confirmar isso.